Mineiros, RPGs, browser-games e os novos paradigmas da internet

MineCraft.

Você com certeza já deve ter ouvido falar (ou talvez até já tenha jogado) . Pois bem Minecraft é a sensação do momento, um do jogos indies mais bem sucedidos, e mesmo estando em fase Beta ( e tendo um modo “Free”) tem vendido bastante, o suficiente para manter a equipe melhorando o jogo e tornando a experiência cada vez mais divertida, porém neste post não vamos falar sobre o jogo em si, mas vamos abordam uma nova tendência. Browser Games.

Em algum momento você já deve ter se deparado com os famosos “Jogos de página”, o mais antigo que posso me recordar, era um que um amigo  jogava, sobre bandidos ao estilo máfia wars da vida. Havia alguns “caminhos” que você você escolhia pra evoluir (coisas nada ortodoxas como trafico de drogas e prostituição) e cada caminho tinha itens que recebiam upgrades (ueba prostitutas Lv2!!! agora elas fazem hora extra!!! ), depois vieram batalhas espaciais, vampiros, lobisomens, gladiadores …  O tema poderia mudar, mas invariavelmente o sistema era o mesmo, você deveria esperar o tempo passar, para juntar algum tipo de moeda (stamina, dinheiro, urânio…) e com esta moeda comprar um upgrade de algum item, que te permitiria ganhar mais moeda e montar um exercito ou deixar o personagem mais forte. Estes jogos eram basicamente imagens estaticas e um contador regressivo que media quanto tempo era necessário esperar, com o tempo isso mudou, tecnologias como o Java permitem que jogos mais “complexos” possam rodar diretamente do seu navegador.

O primeiro jogo mais bem trabalhado que eu pude jogar foi o Runescape que é um dos MMORPGs mais jogados, tem uma jogabilidade divertida e gráficos 3D, outro jogo bem legal, mas que não possui a mesma fama é o Eternal Earth (que pelos resultados de busca do google não antdar muito bem das pernas), o que importa é que o jogo conta com gráficos bem trabalhados, uma jogabilidade bem próxima da utilizada pelos MMos de ultima geração (WSAD + mouse e números p\ra Skills) e também roda através do navegador.

Aqui todo mundo era um tipo de Animal (Homen raposa/coelho/garnizé)

Agora voltamos a falar de Minecraft, esse excelente jogo pode ser jogado de quase qualquer lugar pois basta você entrar no site e começar a jogar. Muitas desenvolvedoras perceberam este potencial, e passaram a criar jogos (por enquanto) para o publico casual, versões modernas dos antigos web-games (mas agora tem bonequinhos andando!), e como eles já aproveitam um banco de dados com milhares de usuários temos um novo conceito de MMO, que mantem uma mesma base de usuarios, mas que você não escolhe somente o “servidor”, hoje você cuida da sua fazendo no melhor estilo Harvest Moon (comparação nefasta, mas verdadeira), amanhã você explora Dungeons com seus amigos, tudo acessível  no mesmo local.

Seguindo a tendência da Cloud Computing em breve os jogos iram rodar diretamente nos servidores, isentando os jogadores da necessidade de máquinas mais fortes e tornando os Web games cada vez mais complexos e maravilhosos, algo como um Steam, onde uma vez logado, você possa desfrutar dos jogos que comprou em qualquer lugar, seja no patético Pentium da empresa onde trabalha ou do computador de casa. Este dia chegará em breve.

Vejo vocês na Dungeon mais próxima!

Renato”Shinsei” Cientista chefe do LABRpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s